Alterações nas Necessidades de Insulina em Gatos Diabéticos

Não é incomum que as necessidades de insulina mudem de repente, mesmo após um longo período de estabilidade.


Ajuste da dose

O ajuste da dose deve ser baseado na resposta clínica e nos resultados de amostras seriadas de glicose sanguínea e não apenas em uma amostra única. De maneira ideal, uma curva glicêmica deve ser feita antes de mudar a dose de insulina.

O monitoramento da glicose e cetona na urina pode ser utilizado para verificar se deve ser feita uma curva glicêmica, não deve ser utilizado isolado como base para ajuste de dose.

Alterações na dose devem ser feitas após um período de ajuste a uma dose ou esquema em particular. Em gatos, a dose pode ser ajustada tão raramente como após 1-3 semanas em um esquema especial. São recomendados aumentos de 0,5 UI ou 1UI por injeção.

Insulin dose adjustment

Clique na miniatura para orientação de ajuste de dose: Need update

Alterações nas Necessidades de Insulina em Gatos Diabéticos

Alterações nas necessidades de insulina podem ser devidas a uma série de fatores

  • infecção (ex. infecção do trato urinário (cistite), pioderma),
  • regime de exercício alterado
  • perda ou ganho de peso
  • outra doença concomitante (ex. insuficiência renal, insuficiência cardíaca)
  • outra doença endócrina concomitante
  • administração de corticosteroide ou progestágeno
  • remissão no tratamento em gatos pode resultar em remissão do diabetes em cerca de 25% dos casos. Continuação com a dose inicial de insulina resultará em hipoglicemia.